Voluntários retiram entulho para ativar área de lazer no Alemão 

unnamed (1)34rf

Moradores realizaram neste domingo mutirão de limpeza do Campo da mina

Inconformados com o cenário deixado após as obras do PAC, André Santos e um grupo de amigos tomaram a iniciativa de realizar um mutirão de limpeza do Campo da Mina, no Complexo do Alemão, neste domingo (13) e colocaram a mão na massa, ou melhor  – no entulho – e deixaram o local limpo.

Equipados com pá e enxadas e sob forte calor, o grupo conseguiu reunir cerca de 40 voluntários que chegaram cedo ao campo para a limpeza. O objetivo da iniciativa, além de reativar o Campo para área de lazer dos moradores é buscar projetos de incentivo ao esporte ao esporte para crianças e adolescentes.

“Aqui tínhamos uma distração e agora não tem mais nada! Tomei a iniciativa e chamei amigos, que assim como eu, vimos o local abandonado e cheio de entulhos. A gente ficava triste vendo a situação é decidimos colocar pra frente o projeto de ativar o Campo de volta” – comenta o organizador do mutirão, André Santos.
A comunidade e o comércio local apoiaram o projeto doando verbas para a compra de material e alimentação para os voluntários e o entulho retirado está sendo usado para aterrar buracos no local e facilitar as obras do Campo.

André Santos e seu grupo agradeceram a colaboração da comunidade,e dizem que sem essa união, não teriam conseguido. O Campo agora passará por uma reforma para que volte a servir de área de lazer para os moradores.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]