Voz das Comunidades lança aplicativo para combater a desinformação sobre a Covid-19

Iniciativa de jornalismo comunitário do Complexo do Alemão possibilitará publicação de informações confiáveis em tempo real e verificação de notícias sobre o novo coronavírus
WhatsApp Image 2020-05-11 at 11.17.49

Foto: Matheus Guimarães / Voz das Comunidades

Identificando a necessidade por parte de moradores de comunidades cariocas de fontes confiáveis de informação em meio à pandemia da Covid-19, o Voz das Comunidades lança hoje (11) um aplicativo inteiramente voltado para veiculação de notícias sobre o novo coronavírus. A iniciativa, de autoria do Voz das Comunidades – projeto fundado em 2005 para ser um canal de jornalismo produzido dentro da própria comunidade –, é financiada pelo Consulado dos EUA no Rio em mais um esforço para combater a desinformação como uma forma de minimizar os impactos da pandemia nas comunidades em maior vulnerabilidade social.

“Como membros da comunidade carioca, estamos comprometidos em ajudar o Rio e o Brasil no combate à Covid-19. Entendemos que apoiar vozes respeitadas das próprias comunidades em seus esforços para compartilhar informação e impedir a circulação de mitos sobre a Covid-19 é uma forma eficiente de responder a um dos mais urgentes desafios dessa pandemia: a disseminação do vírus entre as populações mais vulneráveis”, afirma o cônsul geral dos EUA no Rio, Scott Hamilton.

O aplicativo já está no ar com três grandes seções:

AO VIVO: entrega informações rápidas, em tempo real, incluindo notificações de alerta para, por exemplo, notícias urgentes ou conteúdos falsos que estejam circulando nas redes sociais.

FATOS: objetiva diretamente o combate a desinformação, apresentando notícias recentes verificadas pelo time de editores com o selo de “verdade” ou “falso” e a possibilidade de compartilhamento pelo usuário.

JORNAL: disponibiliza no aplicativo todo o conteúdo do jornal já existente, incluindo notícias sobre prevenção, pesquisas, redes de apoio, artigos de especialistas e guias informativos.

“Com o avanço do coronavírus nas favelas, percebemos que ainda há muita desinformação e notícias falsas circulando nas redes sociais. O app Voz das Comunidades chega num momento de extrema importância para os moradores de favela que não sabem o que fazer neste momento de pandemia”, conta René Silva, fundador do Voz das Comunidades.

Disponível nas versões Android e iPhone, o aplicativo pode ser encontrado com o nome “Voz das Comunidades”. A expectativa para o primeiro mês é que ele seja acessado por até 30 mil pessoas, moradoras de, pelo menos, 20 favelas do Rio de Janeiro.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]