Voz das Comunidades promove mais uma live especial para crianças neste sábado (27)

O programa Covid-19 nas Favelas traz o tema "Brincando também se aprende"
08bd500c-f28e-41ee-aa79-f40f67acf601

Se para adultos já está sendo complicado se entreter permanecendo dentro de casa durante o isolamento social, para as crianças o esforço de se ocupar tem sido em dobro. Com o intuito de ir justamente ao encontro desses moradores mirins que estão em casa, o programa Covid-19 nas Favelas faz a Live Kids Brincando também se aprende, no próximo sábado (27/06), às 10h, no Facebook do Voz das Comunidades.

A Live Kids será comandada pela Professora Valdenice, que pretende trabalhar com  a criatividade da criançada. “Nessa live, eu trago experiências com atividades que faço para os meus alunos nesse momento de contato remoto. A intenção é desenvolver habilidades e trabalhar conteúdos de maneira lúdica, envolvendo os membros da família e utilizando materiais que temos em casa. É uma maneira de trabalhar a sustentabilidade, dando novo significado à coisas que iriam para o lixo”, falou a professora.

Para aproveitar bastante a live é bom alguns itens para as brincadeiras. Para as crianças que estão no Ensino Fundamental é necessário: 

  • meias 
  • garrafas pet, caixa de leite ou latas (no máximo 6) 
  • canetinha 
  • papel ofício ou folha de caderno 
  • cola ou fita durex 

Já para as crianças que estão na Educação Infantil:

  • caixa de sapato 
  •  papel ofício ou folha de caderno 
  • tesoura 
  • canetinha 

É possível aprender brincando. Participem da live e brinquem de aprender!!!

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]