Com 260 casos confirmados, Rocinha volta a ser o epicentro da Covid-19 nas favelas do Rio; São 58 óbitos confirmados e 18 suspeitos