Defensoria Pública entra com ação para garantir assistência em favelas do Rio durante pandemia de covid-19

A Defensoria Pública da União elaborou uma ação exigindo que o Estado cumpra seu papel durante a pandemia causada pelo novo coronavírus e garanta programas sanitários, saúde, alimentação e assistência

A Defensoria Pública da União elaborou uma ação exigindo que o Estado cumpra seu papel durante a pandemia causada pelo novo coronavírus e garanta programas sanitários, saúde, alimentação e assistência social para a população que vive nas favelas do Rio.

Os defensores exigem, entre outros pontos: aumento nas equipes de saúde e agentes comunitários; distribuição de kits de higiene; testagem da população para a Covid-19; ações de realocação de moradores em áreas de risco; garantia de serviços básicos como água e luz; ampliação da rede de internet.