NUH – Núcleo de Direitos Humanos e Cidadania LGBT lança edital para publicação de “Histórias da Queerentena”

Histórias da Queerentena – Seleção de testemunhos, vivências ou reflexões sobre a pandemia do coronavirus. *As inscrições vão até o dia 15 de Junho. Para muites LGBT’s, as medidas de

Histórias da Queerentena – Seleção de testemunhos, vivências ou reflexões sobre a pandemia do coronavirus.

*As inscrições vão até o dia 15 de Junho.

Para muites LGBT’s, as medidas de distanciamento social durante a pandemia do Covid-19 têm provocado uma alteração radical no ritmo cotidiano das nossas vidas. Porém, as maneiras que vivem este período diferem muito entre si. Não é a mesma coisa trabalhar todos os dias fora de casa, fazer home office ou estar desempregada; conviver com um grupo de amigxs ou morar sozinha; viver em um bairro com boas condições urbanas e acesso à saúde ou em um lugar com carência de serviços básicos. Também há diferenças entre contar com apoio familiar nestes dias ou ter sido expulsa de casa há anos por ser travesti, bicha ou sapatão. O NUH – Núcleo de Direitos Humanos e Cidadania LGBT não procura histórias exemplares, muito menos julgar a história de ninguém, mas sim reunir narrativas pessoais que demonstrem que não existem duas QUEERENTENAS iguais entre si. É justamente com esse objetivo que querem coletar vivências, testemunhos e reflexões – escritas em primeira pessoa do singular – das dissidentes sexuais, de gênero e relacionais frente à pandemia do Covid-19 no Brasil.