Protestos contra a morte de George Floyd reavivam drama de famílias de jovens negros mortos no RJ

Há dois anos, Marcus Vinícius, de 14 anos, levou um tiro durante uma operação da polícia no Complexo da Maré, Zona Norte do Rio. Até hoje, a investigação não foi concluída e

Há dois anos, Marcus Vinícius, de 14 anos, levou um tiro durante uma operação da polícia no Complexo da Maré, Zona Norte do Rio. Até hoje, a investigação não foi concluída e a Divisão de Homicídios não revelou de onde partiu o tiro.

Em junho de 2008, David e dois amigos foram detidos por uma tropa do Exército no Morro da Providência, Região Central do Rio, acusados de desacato. Mas, o destino dos três não foi a delegacia. Eles foram levados para uma comunidade vizinha. A investigação mostrou que os amigos foram entregues pelos militares para traficantes. Eles acabaram torturados e mortos. A família de David Wilson da Silva, de 24 anos, também compartilha a sensação de impunidade. Mas, nesse caso, já são 12 anos sem uma sentença.

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]