Painel de Covid-19 do Voz das Comunidades registra 8.155 casos de Covid; entenda

A Prefeitura não atualizava os dados há 28 dias, o que impactou na divulgação por CEP de semanas anteriores
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A Prefeitura do Rio de Janeiro voltou a atualizar os dados de Covid-19, após o período de 28 dias sem fazer isso. Levando isso em consideração o período do 25 de janeiro e 4 de março, foram registrados 7.055 casos confirmados de Covid-19 e 29 mortes nas favelas da cidade do Rio. Já em relação aos dias 4 até 11 de março, foram confirmados 1.100 novos casos da doença e 8 óbitos em Vigário Geral, Mangueira, Lins de Vasconcelos e Complexo da Maré. Somados, os casos totalizam 8.155 e 37 óbitos nesta sexta-feira.

Nesta semana, a prefeitura do Rio divulgou que não será mais obrigatório o uso de máscaras em ambientes abertos ou fechados. No entanto, o Comitê Especial de Enfrentamento à Covid-19 (CEEC) recomenda aos imunodeprimidos, com comorbidades de alto risco, pessoas não vacinadas, incluindo as crianças, devem usar máscaras.  A proteção também é indicada para aqueles com sintomas de síndrome gripal.


Casos e óbitos registrados no painel do Voz das Comunidades do dia 25/01/2022 até 04/03/2022

7.055 casos confirmados:

24 casos no Fumacê
26 casos na Crácara do Céu
42 casos na Bandeira 2
42 casos no Morro da Providência
43 casos na Ladeira dos Tabajaras
45 casos no Morro do Salgueiro
45 casos no Santa Marta
49 casos no Morro do Tuiuti
51 casos no Morro da Formiga
57 casos na Barreira do Vasco
80 casos no Pavão-Pavãozinho e Cantagalo
87 casos no Morro do Borel
97 casos no Tavares Bastos
106 casos no Batan
110 casos na Vila Aliança
118 casos no São Carlos
128 casos no Santo Amaro
198 casos em Rio das Pedras
207 casos na Vila Vintém
227 casos no Morro da Babilônia/Chapéu Mangueira
252 casos no Mandela
343 casos no Morro do Andaraí
400 casos na Vila Kennedy
410 casos no Morro dos Macacos
1.596 casos no Complexo da Penha
2.233 casos no Complexo do Alemão

29 óbitos confirmados:

1 óbito no Batan
1 óbito no Santa Marta
1 óbito no Santo Amaro
1 óbito na Vila Vintém
1 óbito no Mandela
1 óbito no Morro do Tuiuti
1 óbito no Morro dos Macacos
1 óbito no Morro dos Cabritos
1 óbito em Rio das Pedras
2 óbitos no Tavares Bastos
2 óbitos na Vila Aliança
3 óbitos no Complexo da Penha
4 óbitos no Morro do Andaraí
4 óbitos na Vila Kennedy
5 novos óbitos no Complexo do Alemão

Casos e óbitos registrados no painel do Voz das Comunidades do dia 04/03/2022 até 11/03/2022

1.100 novos casos confirmados:

3 casos no Jacarezinho
5 casos na Mangueira
5 casos em Acari
8 casos na Gardênia Azul
11 casos no Jacaré
12 casos no Caju
14 casos em Vigário Geral
19 casos na Cidade de Deus
37 casos em Manguinhos
40 casos no Lins de Vasconcelos
45 casos no Complexo da Maré
68 casos no Vidigal
833 casos na Rocinha

8 novos óbitos:

1 óbito em Vigário Geral
1 óbito na Mangueira
2 óbitos no Lins de Vasconcelos
4 óbitos no Complexo da Maré

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]