Instituto Estação das Letras promove projeto virtual de leitura no Alemão

Ação conta com apoio da Associação Nagai e vai ser transmitido no Facebook, a partir do dia 15 de março
Nagai

Foto: Reprodução

O Instituto Estação das Letras neste mês de março vai promover um projeto virtual de leitura para moradores do Complexo do Alemão. Serão ao todo quinze encontros onlines, que contaram com a presença de doze autores, além de um título de cada um deles. O objetivo principal desta iniciativa é fomentar a leitura, num momento em que estes jovens, em sua maioria, estão fora do ambiente escolar.

 Com o atual cenário de pandemia da Covid-19, onde os alunos da rede pública de ensino estão com o ensino muito defasado, o projeto “Autores e Livros: Encontros literários no Complexo do Alemão” vem como uma forma de incentivo à leitura para a juventude do Alemão. O Instituto Estação das Letras desenvolve esta ação na comunidade, em parceria com a Associação Nagai. O projeto será composto por três grupos de leitura por faixa etária, com cinco encontros mediados. As obras escolhidas visam incentivar e provocar os participantes para a leitura, sendo o encontro com os autores um momento especial de troca nesse propósito de fortalecimento do conhecimento.

Estação das Letras
Evento contará com autores como: Roseana Murray, Elisa Lucinda, Rosa Amanda Strausz, Pedro Luís, Otávio Junior, Elê Nogueira,  Ricardo Aleixo, Leo Cunha, Vânia Alsalek, entre outros.
Foto: Reprodução

Os encontros com os autores acontecerão através de videoconferências, ao vivo, na plataforma Zoom (para jovens que já participam da Associação Nagai). O encontro com esses autores, sempre às 14h, será nos dias 15/03, 22/03, 29/03 e 05/04, e envolve crianças de 5 a 9 anos, e pré-adolescentes e jovens dos 10 aos 16 anos (nas mesmas datas), no horário das 15h.

Todos podem participar

Os adultos também estão sendo convidados para participar destes encontros. O evento acontecerá nestes dias, entre 15/03 e 05/04, mas às 16h. De acordo com a Organização do Projeto, o conjunto dos autores também procura trazer uma diversidade literária com personagens e autores com histórias muito particulares, e envolvem, entre outros, ilustração, performer, além de romance histórico, cordel, e música. Nas quatro datas e nos três horários, o público poderá participar. Estes encontros serão transmitidos pelo Facebook do IEL. 

Esta é a segunda vez que o Instituto Estação das Letras trabalha com a Comunidade do Alemão. Em 2020, as Rodas de Leitura reuniram Conceição Evaristo, Daniel Munduruku e Bia Bedran em um trabalho que contou com 12 participantes.

O projeto conta com o apoio do Governo Federal, do Governo do Estado do Rio de Janeiro, por meio da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro, através da Lei Aldir Blanc.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]