Projeto cultural Abraço das Favelas está arrecadando fundos para festival que pretende unir favela e asfalto

abraço

O projeto nasceu da vontade de desmanchar os preconceitos e estereótipos sobre as comunidades, mostrando que elas não são sinônimo de tráfico e violência, mas de arte e educação.

Do dia 24 a 28 de abril haverá apresentações musicais, de dança, teatrais e rodas de conversa, levando ao asfalto o que a favela tem de melhor: cultura! A UFRJ vai receber os cinco dias de festival, e todos estão convidados a prestigiar artistas e pensadores, porta-vozes das periferias do Rio de Janeiro.

Para realizar o evento, os organizadores estão vendendo sacolés e rifando livros, mas ainda não é suficiente para custear todas as despesas necessárias. O Abraço das Favelas pede a ajuda de todos que quiserem e puderem dar apoio financeiro, doando qualquer quantia ao projeto por meio da Vakinha Online. Contribua, acessando o link abaixo:

Vakinha Abraço das Favelas

Saiba mais sobre o festival e confirme sua participação:

Facebook do Projeto

Conheça mais sobre o projeto cultural Abraço das Favelas:

Página do Evento

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]