E-Games: Jogador do Alemão é anunciado para compor time da B4 Esports

Ronald Moreno deixa a paiN Gaming após a terceira colocação da equipe no nacional
moreno B4

Foto: Reprodução

A equipe B4 Esports anunciou no último dia 29 de junho a contratação de Ronald “Moreno” para fazer parte do time de Free Fire de emulador. O jogador chega ao plantel dos Bastardos depois de passagem pela Faz o P, equipe de emulador da paiN Gaming, que garantiu a terceira colocação na última temporada da Liga NFA.

Nascido e criado na Relicário, no Complexo do Alemão, Zona Norte do Rio, Ronald Moreno há 2 anos está no cenário nacional dos e-games. Esteve no Top 3 junto da sua equipe na última etapa da principal liga de emuladores do Free Fire no país. Contudo, apesar da boa colocação da Faz o P, na quinta temporada da NFA, o jogador esteve afastado do elenco por um tempo. Por conta das poucas oportunidades, e grande talento, chamou atenção de uma das principais equipes do campeonato: a B4 Esports.

O Gamer terá mais oportunidades na nova equipe.
Foto: Matheus Guimarães/Voz das Comunidades

O jovem jogador de 18 anos comentou sobre esta nova etapa. “Fiquei um tempinho sem jogar. A B4 veio e pagou a multa. Estou feliz. Os moleques são muito bons. É uma experiência diferente. A próxima meta é ganhar muitos títulos com esse time novo”, comentou Ronald.

O jogador deve viajar para São Paulo em breve, onde passará um período de treinos e jogos na sede da B4. Em 2 anos de carreira, o jovem já conquistou importantes campeonatos da modalidade. E, agora, almeja continuar crescendo no Free Fire. Mesmo com a pouca idade, Moreno é referência para muitos outros moradores do Complexo do Alemão e adjacências. O gamer possui mais de 390 mil seguidores nas redes sociais.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]