Complexo do Alemão ganhará mais 192 apartamentos até o fim do ano

Moradores do Complexo do Alemão vão ganhar mais 192 unidades habitacionais, incluídas no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). A Secretaria estadual de Obras está construindo 160 apartamentos na Rua Engenheiro Manoel Segura, atrás da Unidade de Pronto Atendimento (UPA), na Estrada do Itararé, e 32 na Avenida Itaóca, 1174, que deverão ser entregues até o fim do ano.

As obras estão em ritmo acelerado e os prédios estão sendo finalizados. Alguns já começaram a ser pintados e já estão na fase de acabamento no interior, assim como a instalação de redes elétrica e de telefonia na parte externa dos prédios. O novo sistema de construção garante obras mais rápidas e com melhor qualidade de acabamento. Como todas as obras do PAC, os apartamentos serão entregues sem piso, para que os proprietários possam escolher o que acharem melhor.

– A determinação do governador Sérgio Cabral e da presidente Dilma Rousseff é que ampliemos os projetos de habitação de qualidade para a população que se encontra em áreas de risco. Fizemos apartamentos nas comunidades do Alemão, Manguinhos, Rocinha e Pavão/Pavãozinho-Cantagalo e faremos mais – afirmou o vice-governador e secretário de Obras, Luiz Fernando Pezão.

O PAC Alemão, investimento de R$ 725 milhões dos governos federal e estadual, já entregou o teleférico, 728 unidades habitacionais, áreas de lazer e esportiva, um Centro de Educação Tecnológica e Profissionalizante (Cetep), o Colégio Estadual Tim Lopes, com complexo esportivo, uma UPA 24h, abertura e pavimentação de 30 quilômetros de ruas e vias, além de ter instalado 24.291 metros de rede de esgoto e 15.404 metros de rede de drenagem.

http://www.jb.com.br/rio/noticias/2011/08/24/complexo-do-alemao-ganhara-mais-192-apartamentos-ate-o-fim-do-ano/

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]