Mostra PUC-Rio: Portas abertas para estudantes e profissionais em busca de oportunidades de estágio, trainee e emprego

Durante quatro dias, de 11 a 14 de agosto, a PUC-Rio abre suas portas a estudantes e profissionais em busca de oportunidades de estágio, trainee e emprego em mais uma edição da Mostra PUC-Rio. No seu 18º ano, a maior feira de estágios e empregos do Brasil terá como o tema principal “A história do Rio passa por aqui” e vai comemorar os 450 anos da cidade, mostrando as relações da Universidade e das empresas expositoras com o Rio. Durante a Mostra PUC-Rio, os estudantes terão contato com empresas de diversas áreas, como o direito, engenharia, comunicação, gás, entre outros. Palestras com profissionais do mercado e professores da PUC-Rio completam a programação da XVIII Mostra PUC, que ainda terá atendimentos jurídicos e médicos gratuitos e atividades culturais.

‘O mistério das árvores da Rua Roberto’ será lançado na Mostra PUC
agathabanner

            Com o prefácio assinado pelo reitor, Pe. Josafá Carlos de Siqueira, S.J, o livro juvenil “O Mistério das Árvores da Rua Roberto”, da estudante Ágatha Cris, de 10 anos, moradora da comunidade Chapéu Mangueira, no Leme, terá lançamento durante a XVIII Mostra PUC-RIO. A obra é inspirada no estudo do reitor sobre o plantio irregular de árvores não nativas, intitulado “Soluções hoje, problemas amanhã: uma análise da arborização no bairro do Leblon, Rio de Janeiro.”. O lançamento está programado para a quarta-feira, dia 12, às 16h, no estande do Projeto Comunicar, nos pilotis da Ala Kennedy.Segundo Pe. Josafá Carlos de Siqueira, S.J, o olhar de Ágatha integra as pessoas e o meio ambiente, além de propor a conscientização e a preocupação com o que será legado para o futuro.       — A inspiração da autora, Agatha Chris, é iluminada por este olhar integrador entre o ser humano, os animais e as árvores, tendo como preocupação a educação ambiental, despertando nas pessoas o desejo de tornar o espaço da rua um ambiente mais integrador, deixando para as gerações futuros um mundo melhor e sustentável. – destacou o reitor no prefácio.
Ágatha escreveu seu primeiro livro em três meses, durante as aulas de reforço ministradas pelo advogado Armando Freitas com o objetivo inicial de prepará-la para a prova de admissão do Colégio Pedro II. A proposta surgiu a partir do mapeamento e catalogação, que ela realizou como exercício, das árvores da Rua Roberto Dias Lopes, no bairro onde mora. A menina descobriu que em toda a extensão havia uma única espécie nativa.
De acordo com a jovem escritora, que já está planejando o segundo título, também ligado à sustentabilidade, a leitura une aprendizado e lazer. Preço: R$ 27,00

R. Marquês de São Vicente, 225 – Gávea

Comentários Facebook

comentários

*

* Please arrange the below number in decreasing order

Top