Coroado de Jacarepaguá aposta nas religiões africanas para ser campeã em 2017

Escola de Samba da Cidade de Deus homenageia a cultura africana sem deixar de cutucar os problemas da escravidão

Além da “bateria pesadíssima”, que o intérprete do enredo anuncia, a Coroado de Jacarepaguá, bloco que virou Escola de Samba da série C, localizada na Cidade de Deus, pode contar com a batida e força do coração de pessoas como o seu Eli Alves Gomes, presidente da escola, para ser campeã em 2017.

O tema da Coroado de Jacarepaguá desse ano é “Religiões de lá pra cá”, e fala das crenças africanas que aqui sobrevivem até hoje como a Umbanda e o Candomblé. O samba-enredo exalta a cultura africana falando dos orixás, seu encanto, mistério e magia: “Olorum, supremo senhor do universo, ilumina os meus versos na força dos meus ancestrais, agradeço a todos os Orixás”.

No entanto, não deixa de abordar as aflições da escravidão: “Navios negreiros vieram de lá, pra nossa senzala povoar, da escravidão à liberdade, a raça negra uma lição pra humanidade. ” Em certa hora o batuque, que não deixa ninguém que escute ficar parado, faz alusão às festas nos barracões e às giras ao som dos atabaques.

Eli Alves Gomes (Esquerda) E Deda (Direita), diretores da Escola de Samba Coroado da Cidade de Deus - Foto: Renato Moura/Jornal Voz Das Comunidades

Eli Alves Gomes (Esquerda) E Deda (Direita), diretores da Escola de Samba Coroado da Cidade de Deus – Foto: Renato Moura/Jornal Voz Das Comunidades

Seu Eli, que ajudou a fundar a escola há 45 anos, coloca as chances de ser campeã depois de uma prata na conta da garra dos integrantes da escola. “Acho que vai ganhar pela força de vontade dos componentes e da diretoria, que está se empenhando no trabalho para isso. ”

Além de cuidar de toda a burocracia da escola, o presidente, que já desfilou como Carlos Gomes e Silvio Santos, põe a mão na massa, ou melhor, na madeira, para fazer a montagem dos carros e alegorias. No ateliê, que fica dentro da quadra da escola, o ritmo não é diferente. Janaina Gomes, Ingrid Pires, Erick Fabricio, Dilcea Lucia e Denise Vigilia estão a todo vapor para que o desfile, na segunda-feira de Carnaval, dia 27/02, na Estrada Intendente Magalhães, Zona Norte, garanta o lugar da Coroado de Jacarepaguá no grupo B. No coração da Cidade de Deus, ela já é campeã há muito tempo.

Desfile Coroado de Jacarepaguá

Data: Segunda-feira, 27/02/2017
Local do desfile: Estrada Intendente Magalhães
Horário: 20h – 11ª a desfilar

Comentários Facebook

comentários

*

* Please arrange the below number in decreasing order

Top