Cria da Maré, o boxeador Wanderson Oliveira estreia com vitória em Tóquio

No domingo (25), o atleta venceu o sírio Wessam Salamana e avançou às oitavas de final na categoria de até 63 kg

Cria da Maré, o boxeador Wanderson Oliveira estreia com vitória em Tóquio

Foto: Arquivo Pessoal/Divulgação

Do outro lado do mundo, mais especificamente em Tóquio, o atleta de boxe Wanderson de Oliveira, de 24 anos e cria do Complexo da Maré, Zona Norte do Rio, estreou com vitória no último domingo (25) nos Jogos Olímpicos de 2020. Morador da comunidade Nova Holanda, o boxeador carioca venceu o pugilista sírio Wessam Salamana na Ryōgoku Kokugikan e avançou às oitavas de final na categoria até 63 kg.

O perfil do Twitter do Time Brasil, marca dos atletas brasileiros, destacou a vitória de Wanderson de Oliveira, que atualmente ocupa o 11º lugar no ranking mundial de boxe.

https://twitter.com/timebrasil/status/1419243371789361153

Formado em um projeto social na comunidade da Maré, o Luta Pela Paz, Wanderson concedeu uma entrevista para o Voz das Comunidades antes de embarcar para Tóquio. Na ocasião, o boxeador destacou a importância de iniciativas voltadas ao esporte nas comunidades cariocas e, ainda, ressaltou que a preparação para os Jogos Olímpicos de 2020 vem de anos de dedicação. Agora, o pugilista enfrentará Dzmitry Asanau, de Belarus.