Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Grupo de teatro do PPG lança vakinha online para produzir espetáculo nos palcos

O grupo Teatro Vozes busca recursos para nova peça intitulada "Ecos Intrusivos"
Foto: SUET / Divulgação

O grupo de teatro Vozes está dando um passo importante em sua jornada artística, lançando uma campanha de financiamento coletivo para viabilizar a montagem de sua mais recente peça teatral, intitulada “Ecos Intrusivos”. Membros do grupo estão convocando a comunidade local e amantes das artes cênicas a se unirem a eles na realização deste projeto único.

A peça “Ecos Intrusivos” está atualmente em processo de criação prática, e os membros do grupo estão empenhados em trazer uma experiência teatral memorável para o público. No entanto, a produção de uma peça de teatro envolve diversos custos técnicos, incluindo cenários, figurinos, iluminação, som e muito mais.

Vozes é muito atuante no PPG, principalmente no Cantagalo.
Foto: SUET / Divulgação

Para captar os recursos necessários, o grupo de teatro Vozes lançou uma vakinha online, com o objetivo de arrecadar fundos que permitam cobrir os custos técnicos do espetáculo e garantir que a peça “Ecos Intrusivos” seja realizada com a excelência que o grupo se propõe a oferecer.

Para fazer parte deste projeto e contribuir para o enriquecimento da arte, basta acessar o link https://www.vakinha.com.br/4012761 e realizar a doação. Qualquer valor é bem-vindo e faz a diferença na construção deste espetáculo teatral. Além disso, compartilhar o vídeo da campanha nas redes sociais ajuda a ampliar o alcance da iniciativa, permitindo que mais pessoas conheçam e apoiem o trabalho do grupo.

O grupo de teatro Vozes é muito atuante na comunidade do Pavão-Pavãozinho e Cantagalo (PPG) e é reconhecido por sua dedicação à arte e ao compromisso de explorar temas profundos e relevantes por meio do teatro. Com a peça “Ecos Intrusivos”, eles prometem mais uma vez cativar o público com uma narrativa envolvente e reflexiva.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]