Após quebra de computador, PPG informativo faz vaquinha online

D1C86B28-B0CF-4E0A-9005-6C874ECCD285

Totalmente independente, meta é arrecadar R$ 4 mil

O jornal virtual ‘PPG informativo’, parceiro do Voz das Comunidades no Pavão Pavãozinho e Cantagalo, na zona sul da cidade, lançou uma vaquinha virtual para financiar a compra de um novo computador. A iniciativa de arrecadar R$ 4 mil foi da idealizadora e jornalista Ana Muza, após o único aparelho dela ter quebrado.

Sem condições de financiar um novo computador por conta própria, Ana, que trabalha só com mais uma pessoa, lançou há pouco mais de uma semana a vaquinha que já arrecadou R$ 300. A ideia, segundo Ana, é usar o dinheiro para sustentar o jornal até o fim do ano. “A falta de recursos prejudica demais. Reuniões que não podemos comparecer por falta de grana de passagem, vivemos em uma corda bamba. Não tenho como tirar dos meus filhos e as vezes tiro. Maior tetra. Com esse dinheiro vamos regularizar o CNPJ que está atrasado desde 2015, mudar de sistema operacional de Windows Phone para Android e colocar um plano de internet”.

Em 2017 o ‘PPG informativo’ completa três anos com atuação focada em serviço de utilidade pública para a comunidade, como divulgação de ofertas de alimentos gratuitos, oportunidade de emprego e anúncio de perda de documentos e locação de imóveis. Para doar qualquer quantia para o único veículo local das duas comunidades com cerca de 16 mil moradores, o site é:
https://www.vakinha.com.br/vaquinha/ppg-informativo?utm_campaign=whatsapp

 

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]