Instituto Raízes em Movimento está com inscrições abertas para mais uma edição do Favela.doc

O projeto visa promover a formação técnica e capacitação em audiovisual para jovens do Alemão
489449398_640

Foto: Reprodução

Jovens de 15 anos que sonham em aprender técnicas de audiovisual e deseja produzir um documentário, o Instituto Raízes em Movimento lançou nova edição do Favela.doc 3.0. O projeto visa promover a formação técnica e capacitação da juventude que reside no Complexo do Alemão, Zona Norte do Rio.

Serão 4 meses de formação básica, introdutória às técnicas cinematográficas, até a produção de um documentário, que tem como objetivo principal contar a história do Complexo do Alemão e sua transformação em bairro formal da cidade do Rio de Janeiro desde 1993.

Turma Favela.doc 2.0 Foto: Divulgação / Raízes em Movimento

Em 2014, o projeto Favela.doc 1.0 formava sua primeira turma com o documentário Copa Pra Alemão Ver. Nesse traz uma reflexão sobre os efeitos da Copa do Mundo no Brasil em confronto com a realidade de pessoas e/ou grupos sociais que sentem na pele a discrepância de atenção entre o evento em questão e suas verdadeiras demandas. O curta foi lançado na Bélgica e circulou, também, em várias parte do Rio.

Copa para Alemão ver foi lançado na Bélgica

Já em 2018, a segunda turma lançou o documentário Quando você chegou meu Santo já estava. Esse mostra a presença do Candomblé e da Umbanda na construção histórica do Complexo do Alemão. Esse foi a partir do ponto de vista de pessoas comuns que dedicam suas vidas à religião no intuito de ajudar o próximo a se perceber no mundo.

NOVA EDIÇÃO

A edição 3.0 será feita em meio à pandemia. No entanto, o diretor do Raízes em Movimento e coordenador de Comunicação do Instituto, David Amen, deixa claro que todas as medidas de prevenção estão sendo tomadas.

“Tomaremos todos os cuidados nos encontros presenciais. Todos os participantes deverão usar máscara, disponibilizaremos álcool 70% na sala para uso à vontade, distanciamento e higienização dos equipamento”, diz David.

Se você se interessou ou quer aprender basta fazer o cadastro na pagina do Favela doc. As inscrições vão até o dia 10 de Fevereiro.

Se quiser maiores informações sobre o curso audiovisual, acesse o edital (pdf) e/ou envie um e-mail para: [email protected] Ou ligue 2260-3998.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]